Como realizar um tratamento eficaz contra o alcoolismo

with Nenhum Comentário

Toda família ou pessoa que tem problemas com o álcool enfrenta dois grandes desafios, saber como lidar com a situação e encontrar um tratamento eficaz contra o alcoolismo. Por isso, reunimos algumas informações para te ajudar a entender como deve ser um tratamento correto e que traga bons resultados.

De forma resumida apresentamos a você o processo de reabilitação de um alcoólatra em três pontos essenciais para o sucesso, que são a participação da Clínica de tratamento, da família e do próprio paciente. Confira abaixo.

 

Participação da Clínica de Tratamento

 

Antes de tudo é preciso compreender que, qualquer tratamento que não envolva ao menos dois destes três personagens (clínica, família e paciente) já está destinado ao fracasso. Isso por quê é impossível alterar o comportamento de uma pessoa que sofre com o alcoolismo, sem que haja a dedicação de profissionais capacitados, o apoio e compreensão da família e a determinação do paciente.

Dentre estes, o principal é a participação da clínica de tratamento. Por quê? Porque a recuperação de um alcoólatra envolve diversos acompanhamentos médicos especializados necessários para sua própria segurança e de sua família.

O alcoolismo é classificado como uma doença comportamental crônica e isso quer dizer que não se trata simplesmente de um desvio de caráter ou da falta dele.

Na verdade, as ações do álcool no organismo alteram o comportamento e produzem a dependência, que por sua vez aumenta gradativamente até que a pessoa perde totalmente o controle de suas ações. Assim, fica claro que tentar cuidar de uma pessoa alcoólatra sem o auxílio de uma clínica especializada é colocar em risco a vida do dependente e de toda a família.

A clínica de tratamento, por sua vez, deve possuir toda a estrutura e equipes especializadas para ajudar o paciente a superar o problema, mas além disso, deve ter, acima de tudo, total compromisso com a vida e o bem-estar das pessoas.

Saiba mais sobre os riscos do alcoolismo nesta página.

 

Participação da família

 

A participação da família é extremamente importante para o sucesso do tratamento contra o alcoolismo, mas ao mesmo tempo pode ser o principal motivo do seu fracasso. E por mais que assuste, essa é uma grande verdade.

Em muitos casos as pessoas se tornam dependentes do álcool pela influência da própria família e em outros são recuperadas pelo seu apoio, compreensão e colaboração.

Há pelo menos três atitudes da família que contribuem para um tratamento eficaz contra o alcoolismo:

 

  • Mudar o ambiente familiar

Por se tratar de uma doença comportamental o alcoolismo é totalmente influenciado pelo ambiente. Isso porque o comportamento humano só pode ser mudado se o ambiente a sua volta também mudar.

Ou seja, a família deve evitar a qualquer custo, todo e qualquer ambiente de consumo do álcool e construir relacionamentos saudáveis.

 

  • Conhecer sobre o alcoolismo

Conhecer as causas, efeitos e complicações do alcoolismo é muito importante para que a família tenha uma visão correta, tanto da seriedade do problema quanto da necessidade de um tratamento especializado.

Muitas famílias interrompem o tratamento, até mesmo a pedido do paciente, por não conhecer as etapas e efeitos do processo de desintoxicação e reabilitação. Lembrando que um tratamento correto não condiz com maus tratos e condições irregulares e que toda denuncia e reclamação deve ser investigada.

Nestas páginas você pode encontra mais informações sobre o alcoolismo e também sobre a crise de abstinência.

 

  • Reconhecer a codependência

A codependência é uma realidade que afeta todas as famílias dos dependentes. Trata-se do comportamento e atitudes dos familiares em decorrência do alcoolismo, que colaboram para que o paciente continue no estado de dependência.

Em alguns casos os familiares chegam a fornecer as bebidas alcoólicas em casa, para que o alcoólatra não tenha que sair para consumir o álcool.

É preciso saber que a família também precisa de ajuda para vencer o alcoolismo e junto com o seu ente querido possam viver de forma plena e livre.

Encontre mais informações sobre a codependência, aqui.

 

Participação do alcoólatra

 

A participação e envolvimento do dependente é extremamente necessária para o sucesso do tratamento. Mesmo que a sua recuperação se inicie de forma involuntária, durante o tratamento é necessário que haja o envolvimento entre paciente e médicos.

No entanto, isso só é possível através do compromisso e dedicação da clínica de tratamento em proporcionar tratamentos humanizados e pela participação correta dos familiares do paciente.

Quando essas forças trabalham juntas para a superação do alcoolismo os resultados são surpreendentes e duradouros. Acredite, é possível vencer essa batalha e viver uma vida cheia de alegrias e longe do álcool.

Se você gostou deste artigo compartilhe, outras pessoas precisam de ajuda e você pode colaborar para que encontrem a melhor solução. Se tiver dúvidas ou mais informações úteis sobre este tema, deixe seu comentário.

Deixe uma resposta